Talvez um cão, de Isabel Peixeiro

Uma história de Isabel Peixeiro, ilustrada por Paulo Galindro

Era uma vez um menino que queria ter um cão. Mas em casa apareceu-lhe um crocodilo. Assustador, enorme, com a boca cheia de dentes e com mais de cinco metros de altura. A partir daquele dia, a vida do menino mudou e o cantinho da brincadeira passou a ser o cantinho do medo.


Uma edição de Poets and Dragons Society

7 visualizações

Posts recentes

Ver tudo